Como dar um stop na compulsão alimentar

Como dar um stop na compulsão alimentar

olá, olá pessoal! Vamos falar um pouco de como dar um stop na compulsão alimentar. Muitas pessoas não se apercebem que não é nada normal comer descontroladamente, a menos que estejam gravida. Este distúrbio alimentar pode causar vários problemas de saúde. Muitas pessoas costumam dizer, até eu já disse isso várias vezes, “eu sou feliz a comer” será que somos mesmo? Será que esta forma de comer tudo sem dizer não, é assim tão benéfico para nós? Aprenda como dar um stop na compulsão alimentar.

Eu digo-vos já: Não é! Sim, é muito difícil mudar este hábito permanentemente. A tal felicidade que tanto falamos quando acabamos de comer algo que tanto gostamos é temporária porque passando alguns minutos claramente vamos começar a sentir um ou muitos sintomas de que deveríamos não ter comido. Eu vou vos dar algumas dicas que me ajudaram a travar, aos poucos, essa vontade louca de comer tudo e resistir às tentações.

MAIS: Alimentos que ajudam a perder peso

Aprenda a ouvir o seu corpo

Esta foi a dica que mais me ajudou. Você tem que estar atenta a quaisquer sinais que teu corpo dá depois de comeres ou beber algo. vejam este exemplo: eu sempre amei pão, se não o comesse ao pequeno almoço era como não tinha comido. Mas sempre que eu o comia ficava super inchada, com gases e muita dor de cabeça. Já arranjei várias desculpas para esses sintomas tentando não acreditar que era pão, embora já desconfiava. Eu poderia até não jantar mas tinha que comer uma sandes antes de dormir.

Isso foi agravado até que resolvi tira pão durante alguns dias, algo que foi muito difícil pois já estava viciada, mas em compensação nada de gases, inchaço nem dor de cabeça. Nesse caso eu só tinha duas soluções: retirar pão ou continuar com esses desconfortos. Mas eu decidi o desconfortos durante mais uns meses pois acreditava que sem pão não seria feliz. Mas há um ano que fui largando o pão aos poucos e substituído por pão sem glúten ou apenas uma pequena fatia de pão de cereais.

Posso dizer que agora sim sou feliz de verdade por não comer pão. Tomei essa decisão para outros vários alimentos como por exemplo: batatas fritas, hambúrguer, açúcar refinados, massa, pizzas, etc. Comecei a ouvir melhor os sinais do meu organismo e a forma que ele reage para poder fazer escolhas mais saudáveis. Façam isso com aqueles alimentos que você sabem que vosso corpo não gosta muito e substitui por outro. Assim cada vez que tiveres esses alimentos a frente, pensa bem antes de os pegar, pense nos desconfortos, e Sejam felizes!

Aprenda a cozinhar

Esta dica funciona mesmo! Muitas pessoas passam vida a comer fora devido preguiça e o facto de não saberem cozinhar. Não  digam que é por falta de tempo porque eu poderia dizer o mesmo mas soube dar volta a situação com algumas refeições rápidas feitas em casa para levar para trabalho. Se não sabem cozinhar, talvez está na hora de aprender. Vá a internet, compre revistas, veja programas de culinária ou peça ajuda a alguém, mas por favor cozinhem! Se você soubesse quantidade de químicos que há nessas comidas de rua.

Quando somos nós que cozinhamos, sabemos o que faz nos faz bem ou não. Antes de dormir prepare a sua marmita para o dia de trabalho seguinte para não cair na conversa dos colegas para ir almoçar fora. Faça refeições com muitos legumes como espinafres, brócolos, espargos e abuse nas saladas para ficar mais saciada e não ter vontade de comer o que não deve.

Atenção as suas compras

Há um ditado” aquilo que o olho não viu o coração não sente” Isso é bem verdade! Se você não tiver produtos perigosos na vossas despesas não vão cozinhar comida perigosa nem comer. Por isso para você não cair na tentação eu aconselho-te antes de ir as comprar coma primeiro em casa um lanche depois faça uma lista do que você realmente precisa, apenas coisas saudáveis que vos faça bem. E quando estiverem na loja, siga a lista e evite o corredor de chocolates, batatas fritas, massas, comidas congeladas, refrigerante.

Evite dietas da moda

Existem 1001 dietas neste mundo, mas porque que tens que seguir a elas? Você não precisa de seguir um padrão que já está definido. O que você precisa é de fazer uma alimentação saudável ao seu ritmo. Têm que focar nos alimentos saudáveis para o teu corpo. Muitas pessoas começam por seguir uma dieta rígida mas que acabam por abandonar uma semana depois, e voltam  comer tudo em abundância o que faz engordar ainda mais.

Não sejam muito exigente com Vocês

Não tens que estabelecer metas muitos duras, tenta ver esses novos hábitos de alimentação como uma forma de viver mais feliz e saudável. E se vos apetecer um doce, apenas um, comam. Melhor satisfazer esse desejo do que acumular para depois comer descontroladamente. Um pedaço de chocolate preto não faz mal a ninguém. Uma vez por mês se comeres batatas fritas (apenas meio pacote) também não faz mal.

Não estabeleça alvos inatingível e não têm que dizer às pessoas que estão de dieta porque estar de dieta significa, no nosso cérebro, “Adeus felicidade”. Digam apenas que vocês só comem alimentos que vos fazem bem. E vão ver que eles vão começar a interessar por estes novos hábitos.

Têm algumas dicas que queres partilhar comigo? Deixem aqui os vossos comentários e Sejam Saudáveis!

 

Deixe uma resposta

Close Menu